Iniciação científica na UEMASUL é impulsionada por 14 projetos de pesquisa

A Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (PROPGI), da UEMASUL coordena 14 projetos de pesquisa aprovados e financiados por agências de fomento, como a Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Os projetos contemplam várias áreas de conhecimento, totalizando um investimento de aproximadamente R$ 1.400.000,00 (um milhão e quatrocentos mil reais).

Um dos destaques é a pesquisa financiada pela Companhia Energética do Maranhão (CEMAR) sobre os fatores ambientais determinantes de ocorrências de interrupções de energia em faixas de supressão, onde a vegetação é retirada para a passagem das linhas de transmissão de energia. Nesta mesma pesquisa é feito o manejo integrado da vegetação a fim de reduzir, por exemplo, os fatores de vulnerabilidade que levam a quedas de árvores sob as redes elétricas. Segundo a coordenadora da PROPGI professora Regiane Saturnino Ferreira essa pesquisa é de grande relevância ao setor porque apresenta redução dos custos operacionais com reparos nas redes elétricas.

PROJETOS DE PESQUISA EM ANDAMENTO NA PROPGI – UEMASUL 

Ciências Agrárias:

  • Biomarcadores Morfológicos em Prochilodus Lineatus (Characiformes, Prochilodontidae) para Avaliação de Impactos Ambientais no Médio Rio Tocantins, Imperatriz, Maranhão;
  • Determinação da evapotranspiração de referência visando o uso racional da água na agricultura irrigada no estado do Maranhão – Brasil;
  • Fixação biológica de nitrogênio em gramíneas forrageiras inoculadas com Azospillum;
  • Características físicas, químicas e biológicas do solo sob sistema integração lavoura-pecuária floresta com diferentes componentes lenhosos;
  • Análise espacial das frequências de leishmaniose visceral humana e canina na cidade de Imperatriz – MA;
  • Ocorrência e diversidade de fungos micorrízicos arbusculares em solos do cerrado maranhense sob pastagem e seleção de inóculo com potencial para o controle de fusariose do feijão caupi (Vigna Unguiculata (L.) Walp).

Linguística, letras e artes:

  • Cinema e ensino: Luzes Cinematográficas, Flashes Pedagógicos;
  • Permutas Estéticas;
  • Reflexões sobre os fenômenos da linguagem: o tratamento que a escola dá à variedade linguística do aluno do ensino fundamental de escolas públicas periféricas;
  • O processo educativo dos adolescentes em conflito com a lei, nas unidades de internação provisória do Maranhão;
  • Linguagem na zona rural: o tratamento que a escola dá à variedade linguística do aluno no ensino fundamental de escolas rurais;
  • Tramas de saberes & tradição: memória e identidade étnica em contos indígenas;
  • A compreensão de textos afetada por sua complexidade.

Ciências Biológicas, Exatas e Terra:

  • Níveis de metais potencialmente tóxicos em ração, peixes, água e sedimentos da atividade de piscicultura em três municípios da microrregião de Imperatriz;
  • Impactos ambientais por metais potencialmente tóxicos devidos à disposição e resíduos sólidos urbanos nos solos do lixão de três municípios da mesorregião oeste Maranhense;
  • Utilização de óleos essenciais de plantas do cerrado maranhense como estratégia alternativa para o estudo e combate de biofilmes microbianos de interesse clínico;
  • Desenvolvimento experimental de metodologia para a detecção e redução de fatores de vulnerabilidade da vegetação que causam interrupções no fornecimento de energia.

Ciências Humanas:

  • Localização industrial e (re)organização do espaço: análise da dinâmica da implantação da Suzano papel e celulose em Imperatriz, MA;
  • A brinquedoteca como espaço de formação do professor da infância: o lugar do brinquedo no desenvolvimento da criança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *