UEMASUL é premiada no 1º Prêmio Nacional Educação Ambiental em Ação

A profa. Esp. Stéfanie Sorrá Pereira, do Centro de Ciências Exatas, Naturais e Tecnológicas (CCENT) da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UEMASUL), juntamente com os orientandos Ray Sousa Miranda, Célio Pereira Conceição, Joelson Gomes e Guilherme da Silva recebem premiação no 1° Prêmio Nacional Educação Ambiental em Ação. O trabalho desenvolvido por eles intitulado “Educação Ambiental: coleta seletiva, reciclagem e reaproveitamento do óleo de cozinha foi realizado no Centro Educacional Nascimento de Moraes de Imperatriz –MA”. O projeto ficou entre os 7 selecionados com maior destaque no país.

Além da premiação, o artigo será publicado na 63ª edição da revista Educação Ambiental em Ação, qualis B4, na seção especial do I Prêmio. No intuito de compartilhar práticas de Educação Ambiental, em diferentes modalidades, o I Prêmio é realizado pela revista Educação Ambiental em Ação, que visa selecionar atividades e projetos práticos relevantes de Educação Ambiental, que foram e estão sendo desenvolvidas e aplicadas em instituições de ensino públicos ou privados no Brasil.

Com o sorriso no rosto, por ter sido premiado, o estudante Ray Sousa Miranda, explica um pouco sobre o projeto e ressalta a importância do prêmio. “A proposta do trabalho foi levar informações de conscientização para os estudantes, além da reeducação deles, em relação ao descarte do óleo de cozinha, seja na coleta seletiva, reciclagem e reaproveitamento do óleo, utilizado em casa. Então, ficamos alegres com o resultado, pois mostra a relevância do trabalho para comunidade, e por ter sido destaque em nível nacional”, ressalta.

A professora e orientadora, Stéfanie Sorrá Pereira, revela que o prêmio é uma grande conquista para os acadêmicos e  para a UEMASUL. “É uma grande vitória para os estudantes e universidade, tanto em nível acadêmico como científico, pois mostra a credibilidade e a relevância nacionalmente, das pesquisas científicas e projetos de extensão desenvolvidos na instituição”, finaliza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *