UEMASUL Reitora Elizabeth Nunes faz visita ao campus de Açailândia

Instituída pela Lei nº 10525/2016 de 3 de novembro de 2016, a Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão foi implantada nos antigos Centros de Ensino de Superior de Imperatriz e Açailândia da UEMA. Hoje, os campi da UEMASUL nas duas cidades passam por um processo de requalificação do espaço físico e de reestruturação administrativa e para acompanhar o andamento dos trabalhos, a reitora Elizabeth Nunes realizou uma visita ao campus de Açailândia.

Criado em 2012, o Centro de Açailândia funcionava em um prédio cedido pela empresa Vale que em 2014 foi doada a UEMA. Hoje o centro foi transformado em um campus e conta com 3 cursos de graduação presenciais e outros 4 cursos na modalidade de ensino a distância e atende a 670 alunos da cidade e região. “O planejamento é que ainda no segundo semestre deste ano comece o curso de Engenharia Civil, que certamente é um grande ganho para a UEMASUL e para a cidade de Açailândia”, afirmou Elizabeth Nunes, reitora da universidade.

Na nova estrutura administrativa da UEMASUL, o campus de Açailândia sedia agora o Centro de Ciências Humanas, Sociais, Tecnológicas e Letras. Para diretor do centro foi nomeado o professor Christiano Aguiar e para vice-prefeita do campus a professora Ilaise Martins, ambos designados pela reitora Elizabeth Nunes. “Somos guiados pela medida provisória editada pelo Governo do Estado que estrutura administrativamente nossa universidade. A implantação da UEMASUL em Imperatriz e Açailândia é estratégica uma vez que existe uma proximidade que possibilita uma boa articulação, gerenciamento e consolidação”, afirmou a reitora.

O diretor de centro, professor Christiano Aguiar afirmou que a estrutura do campus de Açailândia é muito boa e que conta com uma boa equipe na parte administrativa. “Ainda é necessários alguns ajustes, como a desobstrução de salas, adequação do espaço de vivência e outras demandas que não irão atrapalhar o bom andamento das aulas neste semestre”, afirmou o diretor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *