Ronaldo Neri Farias

Professor Decano

História da UEMASUL


Meados da década de 80, quando a Federação de Escolas de Superiores do Maranhão (FESMA) fazia a transição para se tornar Universidade Estadual do Maranhão, já iniciavam também os debates sobre a necessidade de autonomia na gestão dos centros da UEMA espalhados pelo interior do estado. Foi nesse contexto que surgiu o coletivo “Autonomia e Luta”, que era formado por professores, alunos e movimentos sociais em geral e que pautavam a necessidade também da descentralização e democratização do ensino superior em nosso estado.


Uma proposta de lei chegou a ser elaborada pelo então deputado estadual Sálvio Dino, que propunha a criação da Universidade de Imperatriz, mas que na época não foi aprovada. Foram necessários muitos anos de lutas, mobilizações e, literalmente, outra geração de políticos, para que o sonho se tornasse realidade. No dia 1 de novembro de 2016, após um acirrado debate na assembleia legislativa liderada pelo deputado Marco Aurélio, o governador Flávio Dino assinava em Imperatriz, no Centro de Ensino Superior de Imperatriz (CESI/UEMA), a lei nº 10.525 que criou a Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UEMASUL).


Instituída nos antigos Centros de Ensino Superiores de Imperatriz e de Açailândia, a UEMASUL assumiu a missão de promover o desenvolvimento regional englobando 22 municípios, garantindo um ensino público, gratuito e de qualidade e colaborando com a modernização da gestão pública e uma presença do estado do Maranhão mais significativa no continente. Nos últimos dias de 2016, o governador Flávio Dino anunciou a professora Dra. Elizabeth Nunes Fernandes como reitora pro tempore e no dia 1° de Janeiro de 2017, a UEMASUL passou a existir.