Diretora


Nome: Iracema Rocha da Silva
Email Institucional:

Perfil do Curso

O Curso de Administração visa à formação de Administradores com visão sistêmica das organizações, aptos a atuar de forma pró-ativa em situações novas e em contínua mutação, como é o caso das empresas contemporâneas. 

Em um ambiente de alta competitividade o profissional responsável pela condução das organizações - sejam elas industriais, comerciais, de serviços ou, mesmo, de caráter público, necessita desenvolver sua criatividade, espírito crítico e capacidade de absorção de novos conhecimentos.

Tomando como referência às palavras de compromisso, assumidas no ato de juramento, durante a solenidade de colação de grau do Administrador, quando esse profissional promete dignificar a sua profissão, de maneira consciente das suas responsabilidades legais, observando o Código de Ética, com objetivo de aperfeiçoar a Ciência da Administração, o desenvolvimento das Instituições e a grandeza do homem e da pátria e ainda, a busca pela formação de um profissional, com visão nacional e internacional, cujo perfil seja compatível com as necessidades e potencialidades da região, o curso de graduação em Administração, oferecido pelo CESI/UEMA,  propõe-se a formação de bacharéis em Administração com as seguintes competências e habilidades, a seguir caracterizadas:

a) Reconhecer e definir problemas, equacionar soluções, pensar estrategicamente, introduzir modificações no processo administrativo, atuar preventivamente, transferir e generalizar conhecimentos e exercer, em diferentes graus de complexidade, o processo da tomada de decisão;

b) Desenvolver capacidade de transferir conhecimentos da vida e das experiências cotidianas para o ambiente de trabalho e do seu campo de atuação profissional, em diferentes modelos organizacionais, revelando-se profissional adaptável;

c) Capacidade de lidar com as incertezas, com a flexibilidade e a velocidade no diagnóstico e resolução de problemas;

d) Visão holística que seja capaz de analisar criticamente o ambiente, de alavancar mudanças, administrar conflitos e empreender;

e) Capacidade de contribuir para o desenvolvimento regional, a partir da identificação, análise e adaptação aos fenômenos administrativos, políticos, econômicos, sociais e ambientais nacionais e internacionais;

f) Capacidade de projetar cenários que interfiram no desenvolvimento da região, visando à concepção e desenvolvimento de planejamentos estratégicos, notadamente na administração de organizações dos setores de agricultura e pecuária;

g) Capacidade de disponibilizar a sociedade, durante o exercício de sua profissão, os conhecimentos e atributos adquiridos em sua vida pessoal, social, universitária e profissional;

h) Competência técnica para atuar de forma empreendedora e interdisciplinar no aproveitamento das oportunidades de negócios tendo em vista atingirem os objetivos da organização a qual vincule-se;

i) Visão ética dos processos empresariais tendo em vista o desenvolvimento socioeconômico da Região e do País;

j) Desenvolver raciocínio lógico, crítico e analítico para operar com valores e formulações matemáticas presentes nas relações formais e causais entre fenômenos produtivos, administrativos e de controle, expressando-se de modo crítico e criativo diante dos diferentes contextos organizacionais e sociais;

k) Visão estratégica e disposição para inserir-se nos processos de formação permanente.